Vereadores querem gratuidade do transporte municipal para estudantes em dias de prova do ENEM

Por | 7/11/2019

Vereador Bobilel indicou a criação de uma Clínica de Hemodiálise em convênio com a prefeitura
Foto:Alexandre / CMEMBU

Os vereadores aprovaram na manhã desta quarta-feira, dia 06, o PL que autoriza o executivo a firmar convênio junto a nova empresa de transporte público municipal para que alunos que se desloquem na cidade em dias do exame do ENEM, tenham a gratuidade da passagem. Na ordem do dia os parlamentares também aprovaram uma alteração na Lei Complementar Municipal nº 108, que trata do APA Embu-Verde, duas moções de pesar, um requerimento e indicações.

De autoria do vereador Gideon Santos em coparticipação do presidente da Câmara, Hugo Prado, os vereadores aprovaram o Projeto de Lei que autoria o executivo municipal a firmar convênio com a nova empresa de ônibus na cidade para isentar da passagem dos estudantes na locomoção em dias da aplicação do exame do ENEM no município.

“É fundamental que a municipalidade possa dar a sua contribuição a esses jovens e adultos que irão prestar o exame. E a forma que nós encontramos é disponibilizar ao longo do próximo domingo e assim em forma de Lei para que em todos os exames do Enem na cidade seja implementada a gratuidade do transporte público municipal”, disse o presidente da Câmara, Hugo Prado.

Com a Lei promulgada, os estudantes do município, de posse do cartão “ComCard Estudante” terão a gratuidade da passagem no dia do exame. O incentivo da gratuidade, de acordo com o PL aprovado, será da 00h do sábado até às 23h59 do domingo, isso para os dois finais de semana de aplicação da prova.

Encaminhado pelo executivo, os vereadores também aprovaram a alteração de um “inciso” da Lei nº 108 de 11 de dezembro de 2.008 que trata da Área de Proteção Ambiental “APA Embu – Verde”. A mudança incluí o item “a” no artigo 46º, aumentando para 2 o número de representantes titulares e suplentes da Secretaria Municipal de Meio Ambiente.

Os vereadores também aprovaram um Requerimento, apresentado pelo presidente da Câmara, Hugo Prado, direcionado a Concessionária que administra a Rodovia Régis Bittencourt para melhorar o trânsito nas imediações do município.

Segundo Hugo, há propostas a serem discutidas em busca da redução dos congestionamentos, inclusive no trecho próximo a entrada da alça de acesso ao Rodoanel.

“A municipalidade está buscando sanar suas dificuldades com a mobilidade urbana, bem como o programa Mais Asfalto e os projetos de iluminação pública. Más nós temos essa necessidade de discutirmos de forma regional esse grande congestionamento na BR 116”, disse o presidente da Câmara, Hugo Prado, que pretende levar a proposta da transformação do acostamento em uma terceira pista no trecho entre Itapecerica, Embu e Taboão.

“Uma das principais causas desse congestionamento é o acesso ao Rodoanel aqui na saída da Câmara e para sanar isso temos algumas propostas, a curto, médio e longo prazo. A longo prazo seria a implantação das marginais para desafogar o trânsito na BR 116. De forma paliativa, nós temos a proposta de liberação do acostamento, a transformação do acostamento em uma terceira faixa, ganhando assim 33% de fluidez tráfego na região. Paralelo a isso queremos discutir a questão dos buracos ao longo da via que estão causando acidentes”, disse Hugo.

 

TÍTULO DE CIDADÃO EMBUENSE

Os vereadores aprovaram a concessão do Título de Cidadão Embuense, apresentado pelo vereador Edvânio Mendes, ao Sr. Erotildes Mendes da Costa, mestre de capoeira e morador há mais de 40 anos do município. “Mestre Oró usa a capoeira como método de formação cidadã e resgate de tradições. Também utiliza a prática para o desenvolvimento físico de adultos, idosos, crianças e pessoas com deficiência”.

 

MOÇÕES

Na ordem do dia os vereadores também aprovaram duas Moções de Pesar.

Uma delas foi em respeito a morte do Sargento da Força Tática do 16° BPM/M da Polícia Militar, Ronaldo Ruas Silva, mais conhecido como Sargento Ruas. Os vereadores lamentaram sua morte e exaltaram o excelente profissional, além de morador da cidade de Embu das Artes.

“Sargento Ruas pertencia a Força Tática do 16° BPM/M e estava na corporação há 31 anos. Atuou sempre com profissionalismo e dedicação, contribuindo ativamente para garantir a segurança dos cidadãos. O sargento era morador de Embu das Artes e trabalhou anteriormente na região. Era casado e tinha três filhos” – diz trecho da moção.

Os vereadores também aprovaram uma Moção de Pesar pelo falecimento do sr. Gilson Gomes de Oliveira.

 

INDICAÇÕES

Na sessão desta quarta-feira, dia 6, apenas o vereador Bobilel Castilho indicou a executivo municipal o alargamento da Av. Aimará e a criação de uma Clínica de Hemodiálise e Nefrologia no município por meio de convênio.

 

 

Assessoria de Comunicação

ATIVIDADES

INSTITUCIONAL

IMPRENSA

  • cme.comunicacao@gmail.com
  • Telefone: (11) 4785-1568 Ramal 227/242
  • Coordenador de Comunicação: Alexandre Oliveira
  • Jornalista Assessor de Comunicação: Adilson Oliveira
  • Assessora de Comunicação: Gabriela Rocha
  • Estagiário: Matheus Lima Silva
  • Arquivo Fotográfico: Flick