Vereadores aprovam reestruturação do projeto “Guardiã Maria da Penha” como medida para garantir maior proteção às mulheres

Por | 2/03/2018

Vice-presidente da Câmara, vereador Carlinhos do Embu comanda primeira sessão em novo horário
Foto:Alexandre Oliveira / CMEMBU

Sob a presidência do vereador Carlinhos do Embu (presidente, Hugo Prado, esteve ausente por motivo de viagem) os vereadores do município de Embu das Artes aprovaram na manhã desta quarta-feira (28) a reestruturação do projeto “Guardiã Maria da Penha” que visa prevenir e combater a violência física, psicológica, sexual, moral e patrimonial contra as mulheres. Os parlamentares também aprovaram 12 indicações e rejeitaram 2 requerimentos. Também foram aprovadas duas moções de aplausos.


Encaminhado pelo executivo, o projeto “Guardiã Maria da Penha” permitirá ao município monitorar o cumprimento das normas que garantem a proteção das mulheres e a responsabilização dos agressores/autores de violência contra elas. A coordenação e planejamento do projeto será de responsabilidade da Secretaria de Segurança Pública do município. Os vereadores se revezaram para destacar a importância da Lei na cidade.


“Temos que enaltecer a propositura do projeto onde o prefeito está fazendo uma reestruturação. Este projeto é de minha autoria em parceria com o ex-presidente desta Casa, que é o atual prefeito. Com todas as ondas que existem de violência, de feminicídio no país e nessa cidade, é um projeto que vem num bom momento”, disse o vereador Edvânio Mendes.


“Pude dar algumas considerações sobre o projeto, a convite do prefeito, e vou aprovar com louvor na garantia desses direitos. Nossa cidade se mostra uma cidade diferente, já vem fazendo um trabalho bem intensificado no CRM (Centro de Referência da Mulher) e parabenizar a equipe. O trabalho é intenso na reestruturação de um projeto e quem ganha com isso é a população”, destacou o vereador Danilo Alves (Daniboy).


“Violência as vezes não é só física, mas uma palavra mal falada para uma mulher é bem pior do que nós imaginamos. O ser humano tem que se respeitar um ao outro, e quando se trata da mulher, tem que se respeitar mais ainda”, disse o vereador Jefferson do Caminhão, que aproveitou para convidar a todo público presente para a abertura do “Mês das Mulheres”, que acontecerá no dia 8 de março, no Centro Cultural Santo Eduardo.


A vereadora Rosângela Santos também parabenizou um dos autores do projeto, Edvânio Mendes, e destacou a possibilidade do acompanhamento às vítimas de violência contra mulher. “A GCM tem que acompanhar essas mulheres que fazem o B.O (Boletim de Ocorrência) e quem tem o inquérito, mas não tem o acompanhamento de fato”, disse.


“É importante dizer que uma ação isolada da prefeitura a cerca desse assunto por si só não resolve. É importante também pressionar o Ministério Público, tanto municipal quanto estadual e federal, pressionar também as delegacias civis para que haja mais celeridade no que diz respeito a apuração dos casos de violência, porque uma vez que a mulher é vítima de violência, as vezes tem até a medida protetiva, de que o cidadão tem que ficar tantos metros sem se aproximar da residência, mas isso é somente na teoria, na prática nós sabemos que não é bem assim”, alertou o vereador Doda.
Os vereadores também aprovaram duas moções de aplausos, direcionadas a Secretaria de Segurança Pública do Estado De São Paulo e delegacia de polícia civil de Embu das Artes, pelo trabalho desempenhado sobre o caso de violência conta o chargista Gabriel Binho.


A outra moção foi direcionada a Delegacia Seccional de Taboão da Serra, em nome do Delegado Dr. Antônio José Correia de Sampaio e a todos os policiais envolvidos na ação que culminou no indiciamento dos evolvidos no atentado contra Binho.


Os vereadores rejeitaram os requerimentos de número 02 e 03/2018.


INDICAÇÕES.


O Vereador Sandoval Soares Pinheiro (Doda Pinheiro), indicou ao Executivo Municipal estudos para o recapeamento do Asfalto na Rua São Bento, Jardim São Marcos. Doda também indicou o recapeamento da Rua Santo Ângelo, da Rua São Carlos, no Jardim São Marcos, a troca dos bloquetes para asfalto na Rua Perová, Jardim Castilho e o asfaltamento da Rua Capivari, no Parque Luiza.


Em coautoria, os vereadores Doda Pinheiro, Bobilel Castilho, Ricardo Almeida e o presidente da Câmara, Hugo Prado, indicaram o recapeamento do asfalto na Rua das Magnólias, no Jardim Flórida.


Os vereadores Júlio Campanha, Doda Pinheiro e o presidente da Casa, Hugo Prado, também indicaram o recapeamento do asfalto na Rua São Raimundo, no Jardim São Marcos.


Júlio, Carlinhos do Embu e Hugo Prado também dividiram a indicação para o recapeamento asfáltico da Rua Santo Amaro, em toda sua extensão, localizada no no Jd. São Marcos.


Carlinhos do Embu, Júlio Campanha, Doda e o presidente da Câmara, Hugo Prado, também apresentaram indicação para o recapeamento asfáltico da Estrada São Marcos, em toda sua extensão, no Jd. São Marcos. Eles também indicaram o recapeamento da Estrada São Cristovão, no mesmo bairro.


Por último o vereador Gerson Olegário indicou o recapeamento da Estrada São José, também no Jd. São Marcos.

 

IMAGENS DA SESSÃO

4º SESSÃO - 2018





Alexandre Oliveira / Diretor de Comunicação

Comentários

Nenhum comentário até o momento

ATIVIDADES

INSTITUCIONAL

IMPRENSA

  • cme.comunicacao@gmail.com
  • Telefone: (11) 4785-1568 Ramal 227/242
  • Coordenador de Comunicação: Alexandre Oliveira
  • Jornalista Assessor de Comunicação: Adilson Oliveira
  • Assessora de Comunicação: Gabriela Rocha
  • Estagiário: Daniel Vinicius
  • Arquivo Fotográfico: Flick