Vereadores aprovam alteração da Lei que institui o Programa de Pagamento Parcelado de Créditos Públicos

Por | 19/10/2017

Vereadores tranquilizam comissão de cooperados Guardadores de Carros; eles estavam apreensivos por ouvirem boatos sobre a instalação do sistema de Zona Azul no município
Foto:Alexandre Oliveira / CMEMBU

Na sessão desta quarta-feira, dia 18, os vereadores aprovaram o Projeto de Lei Complementar (PLC) 29/2017 que altera Lei Complementar 166. Na ordem do dia não houve indicações apresentadas pelos vereadores, que resumiram o expediente na votação de três moções, com destaque para a Moção de Pesar pelo atentado em Mogadício, na Somália.

O PLC aprovado pelos vereadores altera a Lei Complementar nº 166, de 26 de agosto de 2011, que instituiu o Programa de Pagamento Parcelado dos Créditos Públicos Municipais, com o texto:  § 1º Para os valores atualizados até R$ 20.000,00 (vinte mil reais), o número de parcelas sucessivas será de até 48.


Apresentada pelo vereador Edvânio Mendes (PT), a Moção 38/2017 tratou com pesar o atentado que matou mais de 300 pessoas em Mogadício, na Somália. Para o vereador, essa tragédia não foi vista com os mesmos olhos às que ocorreram na Europa ou nos EUA. “Parece que os negros não tem valor. Qual é a diferença de um americano para 300 negros africanos? A Europa toda não deu a mínima [...] nós precisamos ter um olhar para os irmãos africanos”, disse Edvânio em sensibilização a tragédia.


Outra Moção de Pesar apresentada pelo vereador Edvânio Mendes foi pelo falecimento do ex-deputado pelo Partido dos Trabalhadores (PT), Ricardo Zarattini. Pai do líder do PT na Câmara, o deputado federal Carlos Zarattini, Ricardo foi um dos 15 presos políticos soltos, em 1969, em troca da libertação do embaixador norte-americano Charles Burke Elbri. “Há 14 anos, com uma emenda do então deputado Ricardo Zarattini nós construímos o primeiro curso de inclusão digital pra essa cidade. Nós temos que dar destaque para ele e tantos outros que deram a sua vida pela democracia no Brasil”, disse Edvânio.


O vereador Gilson Oliveira apresentou a moção de pesar pelo falecimento do Sr. Sergio Luciano de Oliveira, conhecido como “Jofrinho”, ocorrido no último dia 15. Morador do Dom José, Jofrinho foi uma pessoa muito conhecida e dedicada à família e a cidade.

 

Na sessão os vereadores também receberam uma comissão dos profissionais da cooperativa de guardadores de carros que trabalham no Centro Histórico do município. Eles estavam preocupados quanto a boatos sobre a implantação do sistema de Zona Azul no Centro Histórico, mas foram tranquilizados pelos vereadores que desconheciam o tema.

 

 

IMAGENS DA SESSÃO

 34º SESSÃO

 

 

Alexandre Oliveira / Diretor de Comunicaçao

Comentários

Nenhum comentário até o momento