Vereadores aprovam Plano de Saúde, assistência médica e possibilidade de convênio com laboratórios e clínicas particulares

Por | 25/05/2017

Vereadores votam importantes projetos na área da Saúde nessa sessão de quarta-feira (24)
Foto:Alexandre Oliveira

Os vereadores do município de Embu das Artes aprovaram na noite desta quarta-feira, dia 24, a autorização ao Poder Executivo em oferecer o Plano de Saúde e Assistência Médica aos servidores e seus dependentes, além de criar convênio com laboratórios e clínicas particulares. Eles também extinguiram 9 cargos em comissão tidos como “Chefe de Divisão” e criaram o posto de Assessor Especial de Gestão Administrativa, além de aumentar o número de vagas para Assessor de Gabinete.


Em uma sessão tranquila, os vereadores de Embu das Artes focaram seus trabalhos na votação de projetos advindos do poder executivo. Foram extintos nove cargos atribuídos a “Chefes de Divisão”, que impactavam ao orçamento do município em mais de R$ 80 mil por ano. Os vereadores também aprovaram a criação de 100 cargos livre-nomeados com salários não superiores a R$ 2.500,00.


De autoria do Presidente da Casa, Hugo Prado, com coparticipação dos vereadores Carlinhos do Embu, Bobilel e Joãozinho da Farmácia, foi aprovado o projeto que autoriza a administração municipal a criar convênio com laboratórios e clínicas particulares, no intuito de zerar a lista de espera por exames médicos e ambulatoriais no município.
Houve também a aprovação do projeto que altera o anexo I da Lei Complementar nº 185 passando a vigorar o termo “Nível Médio” ao cargo de Agente de Defesa do Consumidor, com jornada de trabalho de 40hs semanais.


Na ordem do dia, os vereadores também aprovaram seis indicações. O vereador André Maestri apresentou 5 indicações ao poder legislativo solicitando a revitalização e implantação e academia publica na Praça localizada na Rua Distrito Federal, no Jardim Silvia. Ele também aprovou por indicação o recapeamento e readequação de calçada na Estrada dos Orquidófilos, além de soliticar ao executivo municipal a criação de uma plataforma online gratuita para atendimento aos trabalhadores na busca de seu primeiro emprego ou recolocação no mercado de trabalho.


Maestri também indicou a ampliação do programa Sócio Ambiental de Coleta Seletiva de materiais recicláveis com objetivo de atender todo o município. “Hoje a coleta seletiva pega em torno de 120 toneladas de lixo reciclável [por mês]. Numa só manhã de coleta do lixo normal, ela recolhe essas 120 toneladas, ou seja, nós temos muito ainda que reciclar, diminuir esse impacto ambiental e principalmente conscientizar a todos da importância de fazer a reciclagem”, disse Maestri antes da aprovação de sua indicação ao executivo municipal.


Com a participação do vereador Doda Pinheiro, Maestri também indicou instalação de bicicletário nos equipamentos públicos com grande circulação. Doda e Carlinhos do Embu também indicaram o recapeamento do asfalto da Rua Narumi Nakayama, no bairro Nossa Senhora de Fátima.

 

IMAGENS DA SESSÃO

17º SESSÃO ORDINÁRIA



Alexandre Oliveira / Assessoria de Comunicação

Comentários

Nenhum comentário até o momento