Alunos sabatinam vereadores e 'votam' projeto em visita à Câmara

Por | 27/03/2017

Alunos da escola estadual Maria Odete de Freitas simulam sessão de vereadores em visita a Câmara
Foto:Adilson Oliveira/CMETEA

A Câmara de Embu das Artes recebeu na manhã desta segunda-feira, dia 27, alunos da Escola Estadual Odete Maria de Freitas, no Jardim Santo Eduardo, no projeto "A Casa É Sua", iniciativa criada há três anos pelo Poder Legislativo municipal com o objetivo de levar os estudantes de Embu - da rede pública e particular - a conhecer a finalidade e funcionamento do parlamento e o papel do vereador na solução de demandas da população e desenvolvimento do município.

Cerca de 90 alunos no 8º ano do ensino fundamental tiveram esclarecimento sobre os poderes da República - Legislativo, Executivo e Judiciário - e fizeram quase 20 perguntas sobre diversos temas, em participação valiosa dos estudantes. Os vereadores Rosângela Santos (PT), Edvânio Mendes (PT) e Gerson Olegário (PTC), e o diretor jurídico da Casa, Francisco Roberto, responderam. Os vereadores Bobilel Castilho (PSC) e Daniboy (DEM) também estiveram presentes.

Entre os questionamentos, a aluna Rafaela, 13, quis saber sobre a atuação da Câmara já que o bairro da escola não tem segurança. Os vereadores explicaram que a Guarda Municipal tem como função preservar os prédios municipais, mas que cobram o governo do Estado, a quem cabe garantir o policiamento. Um vereador disse que os parlamentares não fazem mais do que obrigação representar a população, "recebem para isso", diante da pergunta se tinham salário.

Os alunos não só conheceram o plenário (Mestre Gama) de votação das leis da cidade, onde foram reunidos, como simularam uma sessão real, com a escolha de 17 vereadores-juvenis. Após a eleição de presidente, vice-presidente, primeiro, segundo e terceiro secretários, "votaram" projeto fictício sobre a redução da maioridade penal, após debates e apartes em discussão acirrada que alvoroçou o público. A presidente da Casa, Nayara, precisou pedir silêncio.

Depois, os alunos percorreram a Câmara e visitaram os gabinetes dos vereadores e vários setores da administração, como o Apoio ao Cidadão (elaboração de currículo e emissão de documentos), Diretoria, Contabilidade, RH, Jurídico e, na área externa do prédio, a Comunicação e a biblioteca do Legislativo, entre outras dependências. Eles também conheceram a Sala dos Emancipadores ou de reuniões dos vereadores, na qual fizeram a "eleição" da mesa-diretora.

Uma das alunas mais interessadas do grupo, que fez duas perguntas, uma sobre se algum vereador já tinha recorrido a compra de votos, a "eleita" presidente da Casa considerou positiva a visita à Câmara. "Foi legal, os vereadores explicaram bem o que a gente queria saber e respeitaram a nossa opinião. Eles fazem o melhor, foi o que eu vi", disse Nayara, 14. Em resposta à pergunta da aluna, os vereadores foram categóricos em condenar a prática de crime eleitoral.

"O debate que tiveram aqui começou com os iluministas, e estamos encerrando este projeto aqui", disse o professor de história Antônio Rocha (ex-vereador Toninho). Os alunos estavam acompanhados também dos professores Neusa Pinheiro (história), Airton Marquine (educação física) e Anderson Portelo (geografia). "Foi uma experiência gratificante, fiquei até surpreso com a postura de alguns alunos, quando perguntaram sobre o voto obrigatório", disse Portelo. Outros alunos podem também conhecer a Câmara, basta as escolas agendarem a visita pelo telefone (11) 4785-1555 - "A Casa É Sua".

 

IMAGENS DA VISITA

A casa é sua - Escola Maria Odete de Freitas

 

 

(Adilson Oliveira - Assessoria da Câmara Municipal de Embu das Artes)

Comentários

Nenhum comentário até o momento