Vereadores aprovam projetos e lamentam falecimentos no município

Por | 7/10/2016

Público participa de sessão ordinária na Câmara Municipal
Foto:Adilson Oliveira/CMETEA

Na sessão ordinária que ocorreu na quarta-feira, dia 05, após as eleições municipais que elegeu prefeito e os 17 vereadores que conduziram os trabalhos no município em 2017, contou com felicitações aos vereadores eleitos e também aprovação de projetos constantes na ordem do dia. Além disso, a vereadora Rosana Almeida foi homenageada pela representação e atuação na Câmara Municipal.  

Foi aprovado o Projeto de Resolução 05/2016, que dispõe sobre a devolução de bens à Prefeitura Municipal da Estância Turística de Embu das Artes. Com a aprovação serão devolvidos: computadores, notebooks, estabilizadores, mesas, cadeiras, dentre outros itens que já não serão mais utilizados na Câmara Municipal.

Os vereadores aprovaram o projeto de lei 48/2016, que altera a Lei nº 2.438, de 11 de Dezembro de 2009, incluindo assim os artigos que tratam da realização de Atos, Cultos e Cerimônias Religiosas, desde que não aconteçam antes das 7h e depois das 22h. O PL é de autoria dos vereadores Ney Santos, Gilson Oliveira e Jefferson Siqueira considerando que a Lei 2.438/09 que dispões sobre o controle de sons no Município de Embu das Artes, veio sanar um problema enfrentado em nossa cidade, acontece que algumas atividades, por vezes, precisam emitir um som maior que o estabelecido anteriormente por situações peculiares a elas.

Os parlamentares lamentaram o falecimento de importantes pessoas do município e dessa forma aprovaram moções de pesar, além do minuto de silêncio em respeito à família. Os Vereadores Pedro Valdir e Rosana Almeida apresentaram a Moção de Pesar n.º 25/2016, pelo falecimento da Professora Mirna Elisa Bonazzi, ocorrida no dia 22 de Setembro no município de Taboão da Serra.

A moção de pesar 28/2016, lamenta o falecimento de Genir Ferreira aos 64 anos de idade, que morava no Jardim Dom José. Era uma pessoa bastante conhecida e respeitada por sua conduta, sua dedicação à família, pelos amigos e todos que o conheciam.  Era professor há 26 anos lecionava no Jardim da Luz e Teodomiro, aposentou-se no ano passado no Jardim da Luz. A moção 29/2016, lamenta o falecimento de Flávio Lacerda aos 25 anos de idade, morador também do Jardim Dom José. Era uma pessoa bastante conhecida e respeitada por sua conduta, sua dedicação à família, pelos amigos e todos que o conheciam. Ambas moções são de autoria do vereador Gilson de Oliveira.

Já a moção 30/2016 lamenta o falecimento de Spencer Cesário de Oliveira Filho, aos 65 anos de idade, vítima de complicações pós operatórias, estava internado há 80 dias no Hospital São Francisco, SPENCER, teve importância enorme na construção político-administrativa de nossa cidade, foi presidente da Câmara Municipal de Vereadores de nossa cidade na legislatura dos anos 1981-1982 e vice prefeito na gestão de 1989 a 1992.

A vereadora Rosana Almeida parabenizou a atuação da GCM em Embu das Artes, em especial os guardas Rocha, Flanklin, Da Silva e Anselmo que atenderam prontamente uma munícipe que havia acabado de ser roubada nas proximidades da Estrada Itapecerica a Campo Limpo. A moção de aplauso 26/2016 foi estendida a toda corporação atuante na cidade.  

Aprovaram ainda as indicações 45 e 46/2016, que indicam estudos para implantação de recapeamento asfaltico, para a  rua Nonoai  no  Jardim da Luz e projeto para implantação de um semáforo, bem como faixa para travessia de pedestres, na Av. João Paulo I, altura do nº 2963, no Jardim São Luiz. As indicações são de autoria dos vereadores Carlinhos do Embu e Ney Santos.

(Adriana Monteiro - Assessoria de Comunicação da Câmara Municipal)

Comentários

Nenhum comentário até o momento