Em audiência, secretaria da Saúde faz balanço das ações de 2013

Por Assessoria de Comunicação | 28/02/2014


Foto:

A Audiência Pública de Saúde realizada na Câmara Municipal, na quinta-feira, dia 27, que deveria ser referenciada no 3° quadrimestre do último ano, foi, na verdade, uma audiência geral das ações de 2013.@@ Comandada por Sandra Magali Fihlie, secretária de Saúde do município, e técnicos de sua secretaria, o relatório anual foi apresentado indicando uma melhora substancial em grande parte das realizações. Como destaque, o balanço evidenciou que foram investidos no último ano R$ 93 milhões na pasta. O numero representa uma queda na expectativa do que se era previsto para 2013: R$ 114 milhões.

Apesar do recuo na execução orçamentária, a produção ambulatorial do 3° quadrimestre de 2013 superou todas as expectativas e se tornou o período com melhor desempenho desde 2009. Em relação a 2012, houve um aumento de 6,3%, correspondendo a quatro milhões de procedimentos realizados.

A servidora Dra. Claudia Almeida, responsável pelo setor de planejamento da secretaria de Saúde, explica que esse número corresponde a todos os procedimentos realizados, desde o raios-x, a mamografias, materiais utilizados por enfermeiros, médicos e todos os profissionais e empresas envolvidas no setor.

Como saldo positivo no 3° quadrimestre de 2013, as ações de promoção e prevenção em saúde superaram a média dos últimos anos, ficando a baixo apenas de 2010. Foram realizadas 785 mil ações.

Outro dado que demonstrou uma superação em relação aos anos anteriores, foi por conta dos procedimentos clínicos. Em 2013 a secretaria de Saúde totalizou mais de dois milhões de procedimentos, principalmente em consultas médicas básicas, nas aferições de pressão arterial, inalações e administração de medicamentos.

Em relação aos procedimentos cirúrgicos, o município teve produção abaixo da média. Foram 61 mil procedimentos realizados em 2013. Em 2009 essa marca chegou a 80 mil.

Na confecção de próteses, o município contabilizou aumento de 23,31% em relação ao ano anterior. Foram confeccionadas 1.132 próteses.

A secretária de Saúde de Embu das Artes, Sandra Magali Fihlie, aproveitou a audiência e enalteceu o 1° lugar obtido pelo município no Programa de Controle de Tuberculose do Estado de São Paulo. Embu das Artes registrou no último ano 91% de cura, e apenas 4% de pacientes que abandonaram o tratamento.

Apesar do excelente resultado, Embu das Artes figura no grupo de 100 casos registrados pelo período de 12 meses. Taboão da Serra está no grupo dos 50. 645 cidades participam do Programa

Outros trabalhos também foram destacados na Audiência Pública. A atenção Básica, com a chegada dos 16 profissionais de Cuba também foi destaque. Também participaram da audiência o secretário adjunto de Saúde, Fausto Martino, o vereador Clidão do Táxi e o presidente do Conselho de Saúde Municipal, Ulysses de Souza e Silva


(Alexandre Oliveira ? Assessor de comunicação)



Comentários

Nenhum comentário até o momento