Cidade terá um novo conselho para fiscalizar a alimentação nas escolas

Por | 15/10/2010


Foto:



Segundo o projeto, os membros terão mandatos de quatro anos, e serão responsáveis por acompanhar e fiscalizar os recursos econômicos destinados à nutrição dos estudantes, zelar pela qualidade dos alimentos, especialmente às condições de higiene.

 


É atribuição do Conselho garantir que os estudantes de Embu tenham refeições saborosas e nutritivas, sendo de conhecimento geral que para manter uma boa saúde é necessário uma alimentação balanceada e de qualidade.



Com mandato de quatro anos, o Conselho de Alimentação Escolar será composto por um representante indicado pelo prefeito, dois representantes das entidades de trabalhadores da educação e de professores, dois representando os pais de alunos, e dois de entidades civis organizadas, sendo que para cada membro titular haverá um suplente.



O Conselho de Alimentação Escolar poderá ainda desenvolver suas atribuições  em regime de cooperação com os demais Conselhos Estaduais e Municipais e deverão observar as diretrizes estabelecidas pelo Conselho Nacional de Segurança e Alimentação Nutricional – CONSEA.

 

 

(Ana Paula Timóteo – Assessoria de Comunicação da Câmara Municipal de Embu)

Comentários

Nenhum comentário até o momento